Quem somos

Diretoria

Ilana Strozenberg
Doutora em Comunicação pela UFRJ, especializada em Antropologia Social pelo Museu Nacional, é graduada em Sociologia e Política pela PUC/RJ, e em Études Litteraires pela Universite de Paris IV (Paris-Sorbonne). Professora adjunta da Escola de Comunicação da UFRJ, suas pesquisas investigam temas que envolvem as diferenças culturais no meio urbano brasileiro contemporâneo, as articulações entre suas diferentes expressões e com o mercado midiático e seu impacto sobre as hierarquias sócio-políticas tradicionais.

Silvia Ramos
Doutora em Ciências pela Fundação Oswaldo Cruz na área temática Violência e Saúde. Tem experiência em pesquisas sobre violência urbana e segurança pública, atuando principalmente nos seguintes temas: juventude, polícia, mídia e movimentos sociais. Publicou Elemento suspeito: abordagem policial e discriminação na cidade do Rio de Janeiro, com Leonarda Musumeci (2005); Mídia e violência: tendências na cobertura de criminalidade e segurança pública no Brasil, com Anabela Paiva (2007); e Política, direitos, violência e homossexualidade, com Sergio Carrara e outros autores em 2006.

Teresa Guilhon
Mestre em Bens Culturais e Projetos Sociais pelo CPDOC/FGV, é formada em Comunicação Visual pela UFRJ, com pós-graduação em Electronic Graphics pela Coventry University/Inglaterra. Gerente de comunicação na Trilha da Inovação – Projetos Tecnológicos e Educacionais, empresa prestadora de serviços na área de gestão empresarial e treinamento, é responsável pelo desenvolvimento e gerenciamento de projetos nas áreas de Cultura, Tecnologia e Educação d’O Instituto.

Anabela Paiva
Jornalista, é consultora do Instituto de Estudos do Trabalho e Sociedade e coordena o núcleo de Comunicação da Casa Fluminense. É pesquisadora convidada do Centro de Estudos de Segurança e Cidadania (CESeC) da Universidade Candido Mendes. Autora do livro A dona das Chaves (Record, 2010), com Julita Lemgruber, também escreveu Mídia e Violência: Novas Tendências na Cobertura de Criminalidade e Segurança no Brasil (IUPERJ, 2007) e o estudo A blogosfera policial no Brasil: Do tiro ao twitter (UNESCO, 2009), ambos com Silvia Ramos. Formada pela Universidade Federal Fluminense, foi editora do Caderno B do Jornal do Brasil e coordenadora do site de reportagens e artigos www.no.com. Trabalhou nas revistas Época e IstoÉ e atuou como correspondente, nos Estados Unidos, do Jornal do Brasil e da Veja.

Conselho d’O Instituto

Claudius Ceccon, Estevão Ciavatta, Elisa Ventura, Eva Doris Rozental, Eliana Sousa Silva, Fernando Gabeira, Heloisa Buarque de Hollanda, Hermano Vianna, Luiz Fernando Soares, Lula Buarque, Manoel Ribeiro, Marina Vieira, Pedro Strozenberg, Raquel Diniz, Renata Aragão, Ronaldo Lemos, Sergio Besserman.

Expediente do site

Edição de conteúdo: Maria da Luz Miranda
Projeto gráfico: Místico Solimões